ONU e Google firmam parceria sobre distribuição gratuita de dados | Você ou Sua Empresa Podem Ajudar. Pague Menos Imposto Ajudando a ONG!

Siga-nos:

Email:projetoresgatechacmanancial@hotmail.com

Em : 4 Mar 2015 Por : Categoria : Noticiasesquerda Comentários : Comments Off on ONU e Google firmam parceria sobre distribuição gratuita de dados

ONU e Google firmam parceria sobre distribuição gratuita de dados

GOOGLE-HEART

Estatísticas e outras informações sobre tecnologia já estão disponíveis para os usuários em todo o mundo

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A União Internacional de Telecomunicação, UIT, anunciou uma parceria com a empresa Google para distribuição de dados sobre tecnologia da informação.

Segundo a agência da ONU, as visualizações dinâmicas e rápidas são algumas das características do que a UIT chamou de “banco de dados mais confiável do mundo”.

Internet Convencional e Wi-Fi

A base de dados da UIT contém indicadores de 1960 a 2011 de cerca de 200 economias em todo o mundo. Podem ser acessadas informações sobre telefonia convencional e celular, internet fixa e wi-fi, assinaturas de banda larga e a porcentagem de pessoas conectadas à internet.

As estatísticas da agência, com sede em Genebra, são consideradas as mais confíáveis e imparciais sobre a indústria global da tecnologia da informação.

Os dados também são utilizados por governos, setor privado e instituições financeiras.

Banda Larga

A plataforma, batizada de Google Public Data Explorer, também permite buscas rápidas. Os dados trazem gráficos, mapas e tabelas. As informações podem ser compartilhadas com amigos ou até mesmo copiadas para outros sites e blogs.

Um dado recente da UIT é o número de assinaturas de celular que alcançou a marca dos 6 bilhões no fim do ano passado. Já os serviços de banda larga alcançaram 30 milhões de assinates, na China, somente em 2011.

www.google.com/publicdata

Fonte: Artigo publicado por Radio ONU em http://www.unmultimedia.org/radio/portuguese/2012/08/onu-e-google-firmam-parceria-sobre-distribuicao-gratuita-de-dados/